Perguntas Frequentes

  • expand_more O que é o MapBiomas?

    O projeto MapBiomas é uma iniciativa do Observatório do Clima e rede de colaboração que envolve universidades, ONGs e empresas de tecnologia com o objetivo de mapear anualmente o uso e ocupação do solo no Brasil e monitorar as mudanças no território.

  • expand_more O que é MapBiomas Mata Atlântica Trinacional?

    O MapBiomas Mata Atlântica Trinacional surge como uma continuação da iniciativa no Brasil que envolve uma rede colaborativa de especialistas da Argentina, Brasil e Paraguai, em temas como uso do solo, sensoriamento remoto por satélite, SIG e programação. Ele usa processamento em nuvem e classificadores automatizados desenvolvidos e operados a partir da plataforma Google Earth Engine para gerar uma série histórica de uso anual da terra e mapas de cobertura da Mata Atlântica Trinacional.

  • expand_more Quem produz os mapas do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional?

    O MapBiomas Mata Atlântica Trinacional envolve pesquisadores e especialistas em sensoriamento remoto, SIG, computação, biomas e usos do solo de cada um dos países participantes (Argentina, Brasil e Paraguai). A equipe argentina é coordenada pela Fundación Vida Silvestre Argentina, a equipe brasileira pelo ArcPlan e a equipe paraguaia por meio do WWF Paraguai. As equipes trabalham de forma coordenada processando as informações na nuvem por meio da plataforma Google Earth Engine

  • expand_more Como faço para baixar os mapas do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional?

    Os mapas podem ser baixados diretamente na plataforma clicando aqui.

    Não se esqueça de baixar os códigos da legenda aqui.

    Também é possível baixar os dados diretamente do Google Earth Engine quando se necessita de recortes territoriais ou temporais específicos. No Google Earth Engine é possível também acessar todos os dados do Mosaico Landsat e os mapas de transição. Para obter os IDs das coleções do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional no Google Earth Engine acesse: Google Earth Engine.

  • expand_more Porque os mapas são apresentados somente em formato raster?

    Mapas de cobertura e uso da terra feitos na escala do MapBiomas (pixel de 30m) e série temporal longa são impraticáveis em formato vetorial. Todo o processamento do projeto é feito em formato raster, pixel a pixel.

  • expand_more Posso baixar os dados em formato Shapefile?

    Não tem esta possibilidade da plataforma MapBiomas Mata Atlântica Trinacional. A vetorização dos mapas é extremamente custosa e pouco prática para todo o território. A solução recomendada caso queira trabalhar com vetor é baixar o dado, realizar o recorte territorial e espacial de interesse e fazer a vetorização em seguida usando seu software favorito.

  • expand_more Os dados do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional são públicos?

    Sim, os dados do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional são públicos e gratuitos para uso não comercial ou de interesse público.

  • expand_more É possível trabalhar com os dados do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional na nuvem, sem ter que baixá-los?

    Sim, as coleções MapBiomas Mata Atlântica Trinacional estão disponíveis como camadas (ativos) na plataforma Google Earth Engine e podem ser acedidas, processadas e analisadas directamente na plataforma sem necessidade de descarregar os dados. Para obter as IDs das colecções MapBiomas Chaco no Google Earth Engine, acesse: Google Earth Engine

  • expand_more Como faço para citar os dados do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional?

    Os dados do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional são públicos e gratuitos mediante a simples referência da fonte observando o seguinte formato:

    "Projeto MapBiomas Mata Atlântica Trinacional– Coleção [versão] da Série Anual de Mapas de Cobertura e Uso de Solo, acessado em [data] através do link: [LINK]. Projeto MapBiomas Mata Atlântica Trinacional- é uma iniciativa multi-institucional para gerar mapas anuais de cobertura e uso do solo a partir de processos de classificação automática aplicada a imagens de satélite (...)"

    A descrição completa do projeto encontra-se em aqui"

  • expand_more Como faço para acessar os dados do MapBiomas no Google Earth Engine?

    É preciso ter uma conta no Google Earth Engine (GEE), o que pode ser feito através do seguinte link: https://earthengine.google.com. Ao acessar o Code Editor do GEE (https://code.earthengine.google.com) você poderá iniciar scripts para visualizar e processar dados. Neste link você encontra exemplos de Scripts para acessar os dados do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional no Google Earth Engine. 

  • expand_more Posso baixar os dados tabulares de estatísticas de cobertura e uso do solo? Para quais recortes territoriais?

    Sim, as estatísticas de cobertura e uso do solo, bem como das matrizes de transição para todo o país e com recortes por bioma, estado e município estão disponíveis para download em: Estatísticas.

  • expand_more Baixei os mapas de uma coleção do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional, como saber o significado de cada código de legenda?

    Baixe o arquivo com os códigos da legenda aqui.

  • expand_more Como fazer para baixar os mapas de um estado ou município?

    Na plataforma do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional os mapas são disponibilizados prontos para baixar com recorte de Biomas. Para o recorte de estados e municípios os mapas podem ser gerados no Google Earth Engine acessando script disponível neste link. Você deve selecionar o estado e município e os anos de interesse e colocar para salvar em sua pasta no Google Drive. 

  • expand_more Quais mapas foram utilizadas como referência para o mapeamento?

    Você pode acessar a descrição de todos os mapas de referência utilizados pelo MapBiomas Mata Atlântica Trinacional em: Mapas de Referência.

  • expand_more Como a área de dados raster é calculada no MapBiomas Mata Atlântica Trinacional?

    O Landsat tem uma resolução média de 30 m, por isso é comum associar a área de um pixel a 900 m2. Porém, como os dados originais do MapBiomas Mata Atlântica Trinacional são criados seguindo a representação do padrão GEE (Lat / Long e WGS84), eles não usam uma projeção equivalente (área igual). Portanto, a distância do alvo ao equador influencia o tamanho do pixel. Portanto, em uma escala continental, o cálculo da contagem de pixels e multiplicação por 900 m2 deve ser evitado.

    No MapBiomas Mata Atlântica Trinacional o cálculo é realizado no Google Earth Engine, aplicamos a função ee.Image.pixelArea () que gera uma imagem em que o valor de cada pixel é a área daquele pixel em metros quadrados, levando em consideração conta as possíveis distorções cartográficas.